COMO PREVENIR ESTRIAS

O QUE SÃO ESTRIAS?

As estrias são cicatrizes que se formam quando há destruição de fibras elásticas e colágenas na pele. As linhas são formadas por causa da diminuição da espessura da derme e da epiderme.

Existem dois tipos de estrias: as estrias recentes e estrias antigas. As recentes são as rosas e as mais antigas são as branquinhas.

CAUSAS DAS ESTRIAS

As estrias normalmente se formam quando há estiramento da pele, que no geral é causado por um aumento do volume corpóreo. Esse aumento pode ocorrer por causa de gravidez, aumento de peso, colocação de prótese mamária, uso de anabolizantes, ou por fatores hormonais como o uso de estrógeno e hormônios adrenocorticais. O uso prolongado de tratamentos com corticoides também pode desencadear estrias no corpo. Fatores genéticos também podem estar envolvidos.

FATORES DE RISCO PARA A FORMAÇÃO DE ESTRIAS

Elas são mais frequentes em áreas que tendem a armazenar gordura, como o abdômen, tórax, braços, nádegas e coxas. Acontece muito quando a mulher entra na puberdade, cresce muito rápido, ou ganha peso em um curto espaço de tempo. Na fase adulta, durante a gravidez podem aparecer estrias no abdômen e nos seios. Outra causa comum, hoje, é o aparecimento após a colocação de próteses de silicone, por causa da distensão dos tecidos de forma abrupta.

Também existe a predisposição genética. As estrias pode ser classificadas em: rosadas (iniciais), atróficas (aspecto de cicatriz) e nacaradas (flacidez central epitélio pregueado)

Já em homens é mais comum nos ombros, braços e costas. Os que se submetem a musculação excessiva ou abusam de anabolizantes são os mais propensos. Em homens o ganho de peso e o crescimento abrupto também são causas de estrias.

Buscando ajuda médica

Estrias largas e de surgimento abrupto podem ser sintoma de doenças endocrinológicas e um médico deverá ser consultado. Mas, em geral, as estrias causam um desconforto estético, e isso já é motivo para a busca por um tratamento.

A estria é relatada na maior parte da literatura como sendo uma lesão irreversível, porém existem tratamentos indicados por profissionais da estética. Podem ser tratamentos como: microdermoabrasão e peelings químicos.

TRATAMENTO DAS ESTRIAS

A eficácia do tratamento irá depender da fase em que a estria está, o local em que se encontra e sua espessura. É importante lembrar que não há cura total, mas há significativa melhora em sua aparência.

Além disso, quanto mais cedo iniciar-se o tratamento, maiores as chances de que os resultados sejam positivos. Há vários tipos de tratamento, desde cremes tópicos, aplicação de ácidos, laser e peeling. O dermatologista é o profissional mais indicado para diagnosticar e prescrever os tratamentos.

PREVENÇÃO DAS ESTRIAS

Mas existe também uma forma de ajudar na firmeza da pele, prevenindo o aparecimento de novas estrias: a reposição de colágeno.

BioSil™ é um suplemento de silício orgânico que estimula o próprio organismo a produzir colágeno.

Ao estimular a produção de colágeno e elastina, BioSil™ aumenta a elasticidade da pele, contribuindo para evitar o aparecimento de estrias.

MAIS DICAS PARA PREVENIR ESTRIAS

  • Manter o corpo bem hidratado sempre.
  • Beber em média 2 litros de água diariamente.
  • Fazer hidratação da pele com cremes e loções hidratantes.
  • Praticar exercícios físicos regularmente.
  • Evitar a ingestão em excesso de doces e gorduras.
  • Alimentar-se bem, ingerindo quantidades adequadas de frutas e vegetais frescos. A vitamina C presente nesses alimentos é um importante antioxidante e ajuda na formação das proteínas da pele.

Relatest posts

Deixe seus comentários